O meu trabalho de coaching!

Ei, você sente que tem algo errado?

Tudo bem, provavelmente tem um monte de gente sentindo a mesma coisa. Estamos todas juntas nessa, e eu não acho que tem alguém por aí com as respostas. Vamos descobrindo as coisas ao longo do caminho.

sdsdasd
Então, já posso começar dizendo que não estou aqui pra te oferecer respostas, claro. Até porque as minhas devem ser diferentes das suas, e cada uma precisa encontrar as que parecem certas para si, né?

Mas eu sei bem que essa sensação de que tem alguma coisa fora do lugar ou de que tem algo faltando pode ser muito incômoda, e sinto que é mais fácil fazer esse caminho de escuta, descoberta e aprendizado junto com alguém.
Uma das formas que encontrei para acompanhar mais pessoas é através do meu trabalho de coaching!

(Clica aí em cima pra conhecer mais sobre como eu uso o coaching, por favor!)

Com ele, o meu objetivo é acompanhar mulheres que querem ter mais bem-estar e autoconhecimento, construindo junto com elas um aprendizado único, que leva em conta a individualidade do seu organismo, seu cotidiano e suas emoções.

Durante esse caminho, eu estarei ao seu lado para ajudar você, enquanto você mesma aprende a entender o seu corpo, seus pensamentos e suas emoções, e também vamos descobrir como criar e pôr em prática as mudanças que você deseja para si juntas. Mas não como se eu fosse uma guru-sabe-tudo, e mais como uma companheira de viagem, sabe?

Você vai descobrir a íntima relação que existe entre seu comportamento, suas emoções, seus hábitos e as diversas áreas da sua vida, e vai aprender… coisas. Não sei dizer exatamente o que, porque pessoas são diferentes. Vai aprender o que quiser e precisar aprender no momento. E eu estarei ao lado para ajudar, torcer, aprender, trocar e fazer uns comentários engraçadinhos (e gentis) ocasionalmente.

Durante o acompanhamento, provavelmente você vai…

– Aprender a perceber e traduzir as mensagens do seu corpo.

– Identificar hábitos, crenças, pensamentos e/ou circunstâncias que podem estar te atrapalhando.

– Trabalhar a sua forma de lidar com conflitos focando na sua singularidade.

– Perceber como todas as áreas da sua vida influenciam na sua saúde.

– Experimentar caminhos e estratégias e descobrir o que funciona melhor para você.

– Exercitar a sua autonomia e a sua capacidade de fazer escolhas e tomar decisões.

E como a gente vai fazer isso? A gente vai fazer isso com…

– Encontros comigo, presenciais (São Paulo-SP) ou via Skype.

– Comunicação e apoio entre os encontros, via e-mail e mídias sociais.

– Experimentos e reflexões individuais, para você fazer de acordo com a sua rotina.

– Brindes e presentes ocasionais (sim, presentes!).

Essas são algumas das ferramentas que utilizaremos ao longo desse caminho juntas. Eu sei, é só um monte de informações em uma lista, mas foi o jeito mais prático de explicar, tá? Também não quer dizer que vai ser o mesmo pra todas, claro. Por isso tem aquele “provavelmente” lá em cima da descrição. Estamos falando de seres humanos, mulher, cada uma com seu processo. Mas pode perguntar mais, por favor.

E se isso tudo já fez sentido para você e sente gostaria de trabalhar comigo, então vamos conversar logo. Clica aqui e fala comigo para a gente se conhecer melhor e conversar sobre os demais detalhes do trabalho. Se não tem tanta certeza assim, me escreve também, que ficarei feliz em te ajudar!

Aqui você não vai encontrar nada parecido com “perca peso, comece a se amar, resolva todos os seus problemas e mude completamente de vida em poucas semanas!”.

Não. De jeito nenhum.

De verdade verdadeira, eu sei bem que tudo isso é trabalhoso e leva tempo, não vou mentir pra você. Também não vou oferecer um mini curso ou programa de metas ou coisa assim, e faço questão de dizer mais uma vez: eu te ajudo a construir o seu aprendizado. Não tem nada pronto ainda.

Mas podemos iniciar um caminho juntas, e eu posso te garantir muitas descobertas e transformações. Vai ser divertido e desafiador e bagunçado (às vezes) e surpreendente. E, prometo, você vai se conhecer muito mais. 🙂

Gostou da ideia? Então, fala aqui comigo.