DocesReceitas

Bolo gelado de chocolate com castanhas e frutas secas

Em alguma páscoa, lá atrás, eu tinha planos de replicar uma receita de bolo gelado de chocolate com pedaços de biscoitos, que, por acaso, dizem por aí ser o preferido do príncipe William. Comecei a ter visões com essa sobremesa justamente após ver esse site aqui, em que o autor – chef responsável pela cozinha Real -, comenta que o príncipe pediu que esse bolo fosse feito para servir no próprio casamento. Veja bem, não é que eu me importe muito com as preferências gastronômicas da realeza britânica. Ou que precise de uma desculpa para cozinhar. Ou mesmo que me importe tanto assim com datas comemorativas. Mas chocolate… Ah, eu me importo bastante com chocolate. Fui, então, procurar sites de culinária ou de notícias que tivessem reproduzido a receita, e eles não foram poucos! Devo dizer que encontrei algumas imagens muito persuasivas nessa minha busca, que me convenceram totalmente a testar também.

Mas a questão é que, por alguma razão, eu não fiz a receita. E com certeza não foi por falta de lembrança, coisas assim não são esquecidas tão facilmente! Tanto é que, três anos depois de ter visto a imagem do bolo pela primeira vez, a receita voltou mais uma vez para ocupar meus pensamentos, com toda sua beleza chocolática. Dessa vez, como podem ver, não houve como escapar dela.

cake2
Prince William’s Biscuit Cake

Mas é bem verdade que não reproduzi a receita igualzinha, me permiti muitas modificações. Eu nem lembrava direito dos ingredientes originais, vejam, pois o que marcou mesmo foram as fotos, e foram elas que usei como base para criar essa versão, mais próxima das minhas preferências. Digamos que foi uma releitura, que essa aqui é inspirada na outra. É que eu não queria uma receita que levasse açúcar refinado, tive que acrescentar o creme de leite fresco, e também imaginei que ela ficaria muito mais gostosa com castanhas e frutas secas no lugar dos pedaços de biscoito! Devo dizer, depois de provar o resultado, que sou obrigada a concordar comigo nessa. Ficou absolutamente delicioso.

E eu chamarei de bolo porque o chef que inspirou a receita chamou de bolo, mas só por isso. A textura é densa e macia, lembrando algo como um fudge de chocolate ou uma trufa gigante. E é uma sobremesa tão rica e intensa, que um pedacinho de nada já é capaz de matar toda a sua vontade de chocolate, aposto! Aliás, sugiro utilizar o chocolate amargo de melhor qualidade que puder, já que o sucesso da sobremesa depende basicamente dele. Vamos a ela:

IMG_0408Ingredientes

– 340g de chocolate amargo (recomendo 70% de cacau, pois acredito que mais que isso deixará um sabor muito amargo)

– 1 colher de sopa de manteiga sem sal

– 1 ¼ xícara de chá de creme de leite fresco

– Sal

– ½ xícara de chá de castanhas (pode usar nozes, pistaches, avelãs, amêndoas ou o que preferir)

– ½ xícara de chá de frutas secas picadas de sua preferência (sugiro as mais cítricas e menos doces, como laranjas, damascos ou frutas vermelhas).

Modo de Fazer

Primeiro de tudo, é preciso preparar a fôrma. Eu usei uma fôrma pequena de bolo inglês, porque tinha o tamanho ideal e porque achei engraçado. Bem, de certa forma, é uma receita de bolo inglês, não é? Mesmo não sendo exatamente bolo. Enfim, se você tiver uma fôrma de fundo falso/aro removível de cerca de 20cm de diâmetro, também serve!

Cubra a fôrma com papel manteiga, deixando sobras de papel nas laterais, e unte o fundo e as laterais com manteiga. Isso mesmo, papel manteiga untado com manteiga, para não correr o risco de grudar tudo. Se for utilizar a fôrma de aro removível, pode untar diretamente nela, não é necessário utilizar o papel.

Leve as castanhas a uma frigideira em fogo médio, cerca de 5 minutos, apenas o suficiente para ficarem levemente tostadas. Em seguida, pique-as em pedaços pequenos.

Derreta, em banho maria, o chocolate em pedaços e a manteiga. Deixe esfriar ligeiramente. Em seguida, adicione uma pitadinha de nada de sal e o creme de leite fresco, misturando até incorporar totalmente. Por fim, adicione as castanhas e frutas secas picadas.

Disponha a mistura na forma com a ajuda de uma colher, preenchendo todos os espaços na parte inferior e laterais, para ficar com uma altura uniforme. Leve à geladeira por, pelo menos, 4 horas. O ideal é deixar de um dia para o outro, então lembre-se de fazer a receita na véspera!

Na hora de retirar da fôrma, se tiver utilizado uma convencional, utilize as sobras laterais do papel manteiga para puxar o bolo, e depois basta desgrudar o papel.

Conserve em geladeira.

squaresP.S.: Se você preferir, pode também fazer essa receita em uma fôrma mais larga e cortar em pedacinhos, como brownie ou mesmo fudge.

Imagens: litebite.in
Reprodução Google Imagens
Reprodução Flickr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *